terça-feira, 4 de junho de 2013

Vedes, meu Irmão este pavimento mosaico

Vedes, meu Irmão, este pavimento mosaico; ele é a imagem daquele caos regular a que chamamos a Natureza. Nele, em quadrados regulares, iguais e opostos, se personifica, simbolizando-a, a estrutura contraditória do mundo — a noite e o dia, em todos os sentidos; a matéria e a força, em todos os modos; o corpo e a alma, em todas as formas. Isto que pisamos é o que somos; mas o que somos, quando o podemos pisar, não é mais que o que parecemos ser. O mal e o bem, em todos os intuitos; o humano e o divino, em todos os métodos.





Fernando Pessoa
 

Pessoa por Conhecer — Textos para um Novo Mapa . Teresa Rita Lopes. Lisboa: Estampa, 1990: 82.


Sem comentários: